Planejamento
de Comunicação Integrada

Manual de Sobrevivência para as
organizações do século XXI

Luciene Ricciotti Vasconcelos

Prefácio

Henrique Vailati Neto

Ao educador, entre tantas tarefas gratificantes, nenhuma supera a de ser superado pelo educando; uma das raras situações nas quais o que poderia parecer derrota é sucesso pleno, realização de tudo que se pode desejar em educação.

Quando Luciene me procurou para contar de si e de sua atuação como docente, por insignificante que possa ter sido minha contribuição para isso, senti o prazer de haver ajudado a nascer mais uma excelente professora, mais uma pessoa voltada à tarefa de dividir com os outros seus conhecimentos, de ver na educação o princípio e o fim de qualquer projeto civilizatório bem-sucedido.

Assim, foi com a emoção de pai intelectual que recebi o honroso convite para apresentar ao mercado este trabalho sério por seu conteúdo e mais sério ainda pela cuidadosa destinação acadêmica a que se propõe.

Planejamento de comunicação integrada é um trabalho de atualidade indiscutível que revela a objetividade e a simplicidade que marcam a produção dos que conhecem seu objeto de estudo e conseguem descomplicá-lo, para o tornarem didático sem perda de profundidade e de riqueza. Isso se evidencia desde as primeiras páginas ao se constatar a visão estratégica no trato da gestão integrada da comunicação na organização.

Tal viés demonstra o profundo conhecimento da questão organizacional nesse mercado complexo, no qual, em tempos de uma comunicação geneticamente modificada pelos multimeios, há uma grande dificuldade de se estabelecerem as variáveis essenciais de sobrevivência e êxito das organizações: será a comunicação interna às organizações que definirá sua coerência e unidade, sua capacidade de resiliência e, portanto, de reação às constantes e criativas ameaças externas.

Da mesma forma, o que é mais enfatizado pelo senso comum, a divulgação de uma imagem externa coerente da organização, revestiu-se, em nossos dias, de novas facetas indispensáveis que vão muito além do espectro tradicional de atuação, tais como a questão da responsabilidade social que extrapola o já esgotado estereótipo da empresa cidadã.

É por isso que, nestes tempos de comunicação em espaços virtuais, nesta era de uma dinâmica tecnológica vertiginosa, em que a subversão das referências tradicionais é a variável constante, uma abordagem metodologicamente segura, sem receio (nem a obrigação) de inovar, é um norte confiável para o estudante que carece de balizamento teórico suportado por uma visão realista do mercado e protegida de modismos aventureiros, bem como uma ferramenta indispensável ao mister de docente, sempre carente de apoios bibliográficos conscientes das especificidades de nossas salas de aula.

Finalizando, obrigo-me a reiterar minha gratidão e orgulho de apresentar este meu neto intelectual que leva as marcas de seriedade e competência da Luciene como garantias de qualidade.

Henrique Vailati Neto
Diretor da Faculdade de Administração da Fundação
Armando Álvares Penteado – FAAP
Planejamento

Prefácio e indicações


Contato: luciene@comunicacaointegrada.net